Xingyiquan é um sistema interno, composto por posturas simples e relaxadas mas mais tensas que no tai chi chuan. O objectivo é treinar um relaxamento capaz de se transformar numa explosão de energia atacando o centro do oponente, como se de um comboio se fosse um comboio  .

Xinyiquan (hsing-i ch'uan) (ou 形意拳), o boxe da mente e forma, é um estilo de arte marcial chinesa interna (neijia), é também conhecido como boxe dos cinco elementos ou wuxingquan.[1] [2]

Algumas escolas incluem em suas formas dez ou doze animais.

Seu desenvolvimento é atribuído segundo a lenda ao famoso general chinês Yueh Fei (Wu Mu). Suas origens datam da dinastia Liang, cerca de 540 d.C.

Encontramos registros históricos devidamente documentados[carece de fontes] a partir de Ji Longfeng (Jijike) (1602-1683) provável criador deste estilo, conta-se que foi elaborado a partir de um livro que lhe foi entregue assinado por Yueh Fei. Ji Longfeng estudou o livro dia e noite por muitos anos desenvolvendo este estilo.

Seu maior ícone foi o mestre Guo Yun Shen (1827-1903) que por sua vez foi mestre de Wang Xiang Zhai, que utilizando alguns conceitos deste estilo juntamente com o Pakua Chang e Tai Chi Chuan desenvolveu o Yiquan ou I-Chuan.

Go to top